quarta-feira, agosto 22, 2012

Steve Jobs começa a fazer falta na Apple

O sistema Apple não é bom por ser bonito. É bom porque é prático e acessível a qualquer info-excluído. O meu caso.

Detesto informática e informáticos. Detesto estar dependente de uns engenhocas que dizem sempre que nada é possível. Ora, a cultura de Steve Jobs era o contrário disto.

A Apple tem o iWeb que é uma aplicação fantástica para fazer sites, podendo mudar-se os templates e pondo lá as fotos e vídeos só arrastamento.

Depois basta ter conta Mobile me e fazer publicar. Passados segundos está o site online. Podemos fazer os sites que quisermos. O único defeito: gera sempre um endereço que não é simples. Mas tem o reverso: podemos sempre exportar para um domínio nosso.

Com a criação do iCloud a Apple encerrou as contas Mobile Me e para estupidez máxima deixou de aceitar alojar os sites e as galerias fotográficas que eram geradas directamente a partir do iPhoto ou do Aperture. E o que estava online deixou de estar.

Estes tipos que estão a suceder a Steve Jobs devem ter-se passado da cabeça e aderiram à filosofia do Bill Gaitas. Era uma ferramenta única de partilha convergente de conteúdos multimédia.

Isto representa um retrocesso de 15 anos. E é um sinal que a Apple está a mudar para trás.

Sem comentários:

Enviar um comentário