domingo, julho 06, 2008

Paulinho das feiras em procissão alentejana

Perguntou onde ficava S. Gregório, mas em Arraiolos não lhe souberam dizer. Paulo Portas acabou por descobrir a festa de S.Gregório a 7 quilómetros da vila alentejana. Havia festa na aldeia, na minha aldeia, e Paulo Portas apareceu discretamente entre os fiéis da procissão de ontem ao fim da tarde. A freguesia de S. Gregório agrega o Carrascal -a minha aldeola alentejana onde estava. Só que não fui à procissão. Troquei a fé por questões tão profanas como ter de lavar uma piscina que se tinha transformado num tanque de esterco.
Fiquei irritado por não ter encontrado Portas. Teria dado uma boa foto. Mas a notícia aqui fica, logo assoprada por uma vizinha e confirmada por outra. (jornalismo de investigação ehehehe!!!)

S. Gregório é uma das freguesias mais comunistas de Portugal, um conjunto de casas tradicionais com uma igreja maravilhosa. A festa acabou há pouco, embora o frio esteja de cortar nesta noite de Julho.Mas a música pimba aquece.
Depois das feiras, Portas aposta nas procissões. Chegou discreto, acompanhado por um reduzido staff e dispensou a imprensa. Estas acções sem jornalistas ganham muito mais força, principalmente quando se sabem depois. Grande comunicador este Portas!

Sem comentários:

Enviar um comentário