sábado, setembro 29, 2007

Em directo a ver Meneses

A noite das facas longas

- Abraçou Angelo Correia que deu a mão a Marques Mendes no inicio da vida política

- Falou aos "portugueses lá de fora". Seria para a Amazónia ?

- Fala devagar para dar estilo de credibilidade

- O nosso partido é maravilhoso- diz ele !!!

- Dá graxa ao PSD e fala nos útimos 30 anos.

- Já vai na década de 70 !

- Sá Carneiro já factura !

- E Cavaco é citado sem falar no seu nome !!!

- Quer todos os ppd`s unidos à volta dele..Obrgado !

- O lider de todos os laranjas, sem excluir ninguém.

- Palavra de simpatia ao Marques Mendes. E já tem prestigio e pode trabalhar com Meneses.

- Todos têm lugar no seu PSD

- Foi a noite das facas longas

16 comentários:

  1. mesmo sem ter sido acusada de corrupção...agora é que entrego o cartão.
    fonix nunca vi o psd chegar tão em baixo!! só de ver a corja ( não são as bases esses agora como sempre nunca terão direito a nada) são os basicos que à conta de muita batota e promessas de empregos em camaras e juntas e casas sociais em odivelas até já são deputadas... dizia eu essa escumalha que gravitava e que pulava á volta do pediatra só tive vontade de chamar a ordem dos medicos!e fazer queixa à proteção de menores! se socrates já se anda a rir aos molhes agora então ainda ri mais! fonix não ganho no euromilhões nem um nº e ainda levo com isto é demais para uma santa como eu!

    ResponderEliminar
  2. aqueles que eu vi agora muito proximos e aos beijos ao doutorzinho já lhe chamaram de tudo. que eu vi e ouvi!
    eu quando não tenho alternativa ou crio uma nova ou não voto! agora mudar a bitola não por evolução mas por poder. jamais!!!!
    infelizmente foi por causa dos psl e hlc dos mm. que eu já deixei de votar no psd. pois é luiz assim não irei tão depressa à são caetano à lapa e vc não me vai puder fazer uma foto! olhe poupa no material . mas perde uma grande foto....lollllllll

    ResponderEliminar
  3. pobre menu partidário que tem a actual democracia portuguesa. :-((((

    Daki nada 'inda peço pra votar em Zapatero.

    Olé !!!


    (O PSL perguntou bem: Está tudo doido?)

    ResponderEliminar
  4. um à parte que não tem nada a ver com estas cenas carnavalescas, à portuguesa.




    Luiz, mais um repórter (japonês) assassinado na Birmânia. Triste, muito triste. :-(((

    http://www.youtube.com/v/hjEVB1DECQ4

    ResponderEliminar
  5. pezinhos que fetiche vc tem com o psl ! o homem é um horror enquanto pessoa! é o espertalhão trapezista que faz o trapezio mas sempre a mandar beijibhos ao publico... quando a angular está aberta.
    mas a menina não percebeu de quem descendem estes profissionais de ascensão ao topo da carreira politica!?

    ResponderEliminar
  6. O mandatário

    Durante uns tempos fui um tipo importante numa terra que serviu de albergue a um político, vindo lá da capital, aliás, de onde nunca saiu, e o povo vinha à rua com tanta curiosidade em ver o casal, ambos cosmopolitas, maquilhados nas revistas do social, onde, na espera do dentista, a gente dá uma espreitadela aos decotes e imagina as ditas empinadas em segura peitos reforçados a metal.

    Aquilo era um corrupio, vinha gente de todo o lado e a cidade esteve, de facto, no mapa durante o mandato, eram espectáculos até ás tantas, artistas e cantores vindos de fora, e até conheci o Tochas, grande mímico, nascido por perto, e que animava as noites a fazer figuras em balões, com sopradelas artísticas, de que resultavam verdadeiras obras de arte, que subiam aos céus, quando os meninos se distraíam e deixavam escapar das mãos aquelas bolhas de ar comprimido à força de sopradelas.

    Um dia, no meu gabinete de trabalho, recebo um telefonema de uma pessoa daquelas ditas importantes, o que me deixou muito curioso, sobre o que pretendia, já que de pouco eu lhe podia servir, e que tem andado por aí a ganhar muita nota, a tal ponto, segundo confessa o próprio numa entrevista recente, que não faz contas ao que ganha, tendo também assumido que, enquanto governante, que foi por muitos anos, sempre pôs cunhas.

    Esta pessoa importante é, ou foi até ontem nessa qualidade, um mandatário que se revelou mais uma vez vencedor, resultando evidente que, quando se tem certo estatuto, após passar pelo poder na política, esse poder, se bem gerido, nunca se perde, por isso são convidados para mandatários, fazendo o papel do avalista quando um normal cidadão mas sem nome na praça pede um empréstimo e o banco lhe exige conhecimentos mais afortunados.

    Dizia eu, que me telefonou, vindo tal assunto a propósito de me pedir para dar a celeridade possível à recolha de informações de uns cidadãos residentes, para cujas casas se adivinhava para vista fronteira a construção de uma grande superfície comercial, logo tal resolvendo num instante, testemunhando que todos se opunham, afinal, ninguém gosta que lhe tapem as vistas.

    Mas a grande superfície lá está, apesar da oposição dos residentes e da lei obrigar a que fossem ouvidas as suas vontades, depois veio outra e mais outra, que já nem sei quantas são, para azar do comércio tradicional, que sobrevive apenas para aqueles que ainda gostam de um dedo de conversa na mercearia lá da rua.

    E a cidade hoje está triste, pobre e remendada, a pagar dívidas, e com listas de votos a dobrar numas eleições que de nada vão servir, e das quais já me esqueci tal a indiferença que me merecem os traquinas que foram ontem os seus actores principais, com insultos e baixezas pelo meio. E que agora já estão todos amigos. E a ocupar o mesmo palco. E onde os actores são sempre os mesmos, afinal.

    ...
    Este comentário está retirado dum post do meu blog, cujo endereço é anónimo, sendo assim, se quiserem saber mais, vejam se o descobrem.

    ResponderEliminar
  7. «(O PSL perguntou bem: Está tudo doido?)»
    Ai... "pézinhos...", como eu gosto de pessoas que (ainda) são tão ingénuas.
    E como existem virgindades que se perdem tão tarde.
    Gosto de pessoas assim.
    Por isso, como mais velho, me cuido em a avisar de tombos futuros.

    ResponderEliminar
  8. mami, eu só falei em PSL, pq acho que quem votou em LFM está doido.

    A minha opinião é a de que a "Nélinha" Ferreira Leite já devia ter avançado, não sei o que se passa para não o fazer. Mas a senhora lá saberá as linhas com que ...

    Bem ! Até ao lavar dos cestos é vindima, MFL ainda poderá sair da cartola, até 2009.

    A única vantagem que vejo na vitória de LFM é, a do "Nuorte" passar a estar mais perto dos "pulhíticos" (junção de "pulha" com "político") do Terreiro do Paço.

    abraço


    Luiz, já votei na pergunta sobre LFM, e votei "Não", claro !
    Voto que goza de uninimidade até agora, por aqui.

    Porque será ?
    :-)))


    Para o JS,

    ó senhor inspector ... nada mais fácil, para uma CSI, como eu.:-))))

    Um Excelente Sábado para Si.

    ResponderEliminar
  9. Raios partam os feeds.
    E os CSI.
    Lá vou ter que, de novo, me pôr a inventar.
    :-)))

    ResponderEliminar
  10. Gaspar de Jesus4:48 da tarde

    Cá estou de novo a dar o meu modesto contributo nesta tertulia do INSTANTE FATAL. Moro em Vila Nova de Gaia, mas nunca votei no Luís Filipe Menezes pela simples razão de que nunca na minha vida votei à direita, só por isso e nada mais! reconheço todavia que o homem tem vindo a fazer obra em Gaia, dizem também que é uma das autarquias mais endividadas do país... mas isso não me compete a mim avaliar, o que é certo é que a obra está feita e é um gosto usufruir das novas estruturas. Para já Menezes está como se diz, em estado de graça, veremos o que fará no caso de o PSD vir a ser governo num futuro próximo, mas estou algo apreensivo desde que o vi ontem abraçar o seu mandatário nacional, nada mais nada menos que JOSÉ ÂNGELO CORREIA o "celebérrimo" Ministro da Administração Interna do VIII Governo Constitucional presidido por FRANCISCO PINTO BALSEMÃO.
    Como ponto alto da adiministração de ÂNGELO CORREIA recordo aquele 1º de Maio sangrento no Porto, em que já de noite a policia comandada por este senhor, e à boa maneira chinesa, repeliu um grupo de manifestantes com balas verdadeiras, transformando a Av. da Liberdade num autentico cenário de guerra, atirando sobre tudo que bulisse... foi uma noite de terror, também para os jornalistas que cobriam o acontecimento: no terreno ficaram duas vitimas mortais, além de inumeros feridos...
    Ao que parece já poucos se lembram de ÂNGELO CORREIA enquanto Ministro da Administração Interna, o que faz jus à ideia que se tem de que a memória dos portuguêses é reamente muito curta! por isso não gostei de ver este senhor ao lado de Luís Filipe Menezes e elogiado por ele na hora da victória.

    ResponderEliminar
  11. Portanto, gaspar, estão lá todos.
    De um lado e o do outro.
    Hoje por mim, amanhã por ti.
    Ou seja, ninguém perde.
    Essa tem sido a nossa desgraça porque PPD é igual a PSD e ambos são iguais a PS.
    E nós, afinal, que alternativas temos?
    No Louçã, no Jerónimo ou no Paulinho?
    Estamos feitos com esta "cambada", como diz(ia) o Herman.

    ResponderEliminar
  12. ora, ora... js ... por isso, é que a política é muito interessante.

    não me diga que ainda não tinha reparado ?

    frainchement, amigo ...




    (mas tb é verdade que alguém tem que tomar conta da "barca".
    Uma barca que está no fundo ... por sinal)

    ResponderEliminar
  13. Não foi este murcão que veio com aquela história dos "sulistas e elitistas". Finalmente o pseudo engenheiro parece ter um rival

    ResponderEliminar
  14. aconselho a ler o livro O Navegador Solitário, do Joao Aguiar. Sou simpatizante socialista e fico precupado com o que assisto no PSD....qualquer dia o Sócrates desiste....isto assim nao dá pica....o Sócrates está a dar maus sinais...ja se ri...se o PSD não resolver o seu problema, nunca mais vamos ver o Sócrates irritado

    ResponderEliminar
  15. Falam vocês das facas dos outros!
    O que é que se lê nestas mensagens sem ser facadinhas.
    Tomem juizo. Isto é um país cheio de gente mesquinha e invejosa. Os honestos desta terra, andam todos ao mesmo. Querem é mama, não é J. Carvalho?

    Ass. Insolente

    ResponderEliminar
  16. muita mama , mesmo!

    ResponderEliminar