sábado, junho 23, 2007

Ex- prof. de Sócrates acusado de corrupção

MP acusa de corrupção António José Morais

António José Morais, ex-professor de José Sócrates na Universidade Independente, foi acusado de corrupção e branqueamento de capitais num inquérito à construção de uma estação de tratamento de lixo na Cova da Beira, confirmou hoje à lusa fonte judicial.

A notícia foi avançada ao início da tarde de hoje pelo Expresso.online e refere que, no âmbito deste processo, foram constituídos cinco arguidos e que o Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa determinou alguns arquivamentos.

António José Morais esteve ligado à construção do aterro sanitário, em 1996, através do GEASM, o seu gabinete de engenharia, que preparou o projecto, o programa do concurso, o caderno de encargos e avaliação técnica das propostas.

Em 1999, após uma denúncia anónima, a Polícia Judiciária começou a investigar o caso.

À data dos factos, José Sócrates era secretário de Estado do Ambiente, mas não foi ouvido no inquérito.

Diário Digital / Lusa

1 comentário: