domingo, maio 09, 2010

Sócrates, o grego.

Sócrates amansa e desiste da 3ª travessia e do aeroporto. Mas manda o inefável ministro das Obras Públicas avançar com a Mont Blanc para a assinatura do TGV. Um país de doidos. Agora o TGV não vai chegar a Lisboa mas só ao Poceirão. Portanto: vai demorar-se mais tempo a chegar ao Poceirão, mais caro, mais desconfortável do que apanhar um low-coast na Portela e estar passada uma hora em Madrid. E por muito menos dinheiro. Como nenhum mortal com juízo vai para a Europa de TGV... prevê.se um comboio de alta velocidade rigorosamente vazio.

Uma política de zig-zag ao sabor do ambiente político. Hoje há aeroporto, amanhã não sabemos. Depois há 3ª ponte, hoje afinal já não há...uma verdadeira palhaçada desempenhada por palhaços pobres armados em ricos. Um espectáculo de circo decadente.

Depois as declarações de Sócrates continuam de uma total indigência intelectual. Agora arma-se em chorinhas e quer fazer crer em Paris que é um voluntarioso patriota.

Se não se pode demitir o feroz, pelo menos interná-lo não era má ideia. E com colete de forças.

1 comentário:

  1. Ouvi dizer que a 3ª ponte é para anunciar daqui por um mês. Será boato?

    ResponderEliminar