terça-feira, julho 24, 2007

Charrua perdoado, Meneses assanhado


Não parece uma figura muito simpática este Charrua.

Deve ser um daqueles pepedês de província armado em espertalhaço e que gosta de despejar umas patacoadas nem que seja para agredir a mãe de alguém.

A medida da directora da DREN fez dele uma vitima de Sócrates e isso é mau. Agora tiveram de emendar a mão e vão acabar por o reintegrar na repartição.

Sócrates vai poder dizer que não persegue ninguém e a partir de agora será ele a vitima das atordoadas da oposição. Perfeito.

Não me admiraria que este Charrua não viesse por aí abaixo de braço dado com o Meneses.

O Bota a cantar pimbalhadas, e essa grande figura da democracia que é o Delarrou. Todos de manitas dadas.
Quem se lembra das broncas do Delarrou no tempo da Beleza ? E da vaia do anti-sulista que saiu do congresso do Coliseu a chorar, escorraçado pelos laranjinhas numa arroada tão grande que nem Sócrates a experimentou em algum estádio? E Cavaco a assistir. Veio o Zeca Mendonça ao microfone apelar ao espirito PPD, depois de a maltosa não se calar. " Ao menos tenham respeito ao Professor Cavaco Silva !"- fez-me lembrar o reitor do Santuário de Fátima aos peregrinos: " Nossa Senhora está muito ofendida ! Rezai!". Foi então que a cãozoada se calou para sempre, Meneses deu de fosques, Durão perdeu e Nogueira partiu para aquele vexame eleitoral.
Começamos a perceber como Cavaco pode ficar irritado com uma vitória do nortista. Mendes era o líder ideal da oposição para Belém. Meneses vai trazer problemas. Aí estará o populismo na versão à moda de Gaia, ainda pior que à moda do Porto.

O avanço dos nortistas para Sul tem perigos. Com mais um manequim do Norte-Shopping bem podemos estar a pau. Mas que não vai acontecer nada de muito positivo para a política, lá isso não vai.

O problema de Portugal é que está transformado numa batalha campal entre Mendes e seus detractores, entre a administração do BCP e seus sucessores, entre o Berardo e o orelhas, entre o Pinto da Costa e as manas gémeas, entre Costa e Roseta... enfim: isto não pára.

É o país da guerrilha. Brrrrrrrr!!

3 comentários:

  1. O melhor ainda está para vir quando o tipo do Portugal Profundo for absolvido.
    Mas enquanto este Charrua é um sócrates laranja, o Balduíno é um tipo porreiro e não insultou ninguém, nem me parece que o faça sequer em casa nem no café.

    ResponderEliminar
  2. Para uma revisão do perfil de Lurdes Rodrigues:

    http://asvicentinasdebraganza.blogspot.com/2007/07/tubares-submarinos-e-rmoras.html#links

    ResponderEliminar
  3. Caro Luiz, "The Braganza Mothers", feita a purga, chama-se agora "As Viventinas de Braganza". Os "links" (cof, cof, cof...)
    Abraços
    "Arrebenta"

    ResponderEliminar